segunda-feira, 23 de maio de 2016

Quer um cachorro-quente? Ou quer aprender a fazer?

Boa noite, amigos e amigas de nosso Blog!

Hoje nosso protagonista é......
Protagonista de hoje: Cachorro-quente
Onde será que surgiu? 
Bem, pesquisei em alguns sites e me pareceu  a informação mais adequada e talvez a mais precisa uma reportagem do Jornal Folha do Sul, de Bagé, que em 2013 publicou
"A origem do cachorro-quente" (fonte: http://www.jornalfolhadosul.com.br/noticia/2013/10/04/a-origem-do-cachorro-quente), cujo texto transcrevo abaixo citando as três "prováveis teorias" do surgimento do cachorro-quente:
"A origem dos chamados “hot dogs” é muito discutida, pois existem três teorias. 
Uma das mais conhecidas é que um açougueiro de Frankfurt, na Alemanha, resolveu batizar as salsichas que fabricava com o nome do seu cão. Por analogia, o nome teria derivado para o que conhecemos atualmente.
A outra teoria se refere a um imigrante alemão, de nome Charles Feltman, que teria levado a salsicha para os Estados Unidos, em 1880. Lá, ele criou um sanduíche quente com pão, salsicha e molhos.
A terceira história é que, em 1904, na cidade de St. Louis, nos EUA, um vendedor de salsichas quentes pensou em uma forma de evitar que as salsichas queimassem as mãos dos seus clientes. Assim, ele emprestava luvas a quem comprasse as salsichas. Como a maioria das pessoas não devolvia, ele resolveu diminuir o prejuízo: sugeriu que as salsichas fossem envolvidas pelo pão, dando origem aos primeiros cachorros-quentes na forma que conhecemos atualmente."
Qualquer uma que seja a verdadeira ou mais provável, nos brindou com um lanhce que permite muitas variações, pois permite criar no molho, ousar nos ingredientes, dar um toque diferenciado na apresentação da salsicha (em rodelas, inteiras, corte horizontal, de ponta-a-ponta, salsicha fina, tipo bock,etc.) , utilizar linguiça ou dar um toque saboroso com uma maionese caseira, uma mostarda forte e um ketchup feito em casa.
Mas o assunto cachorro-quente surgiu por dois motivos:
1) Fomos no sábado a um cachorro-qiente organizado pelo movimento de jovens entre 9 a 13 anos chamado Objetivo Novo De Apostolado (ou ONDA como popularmente é conhecido) da Paróquia Cristo Redentor, localizada na avenida Assis Brasil próximo ao número 3124 (a entrada da Igreja fica na Assis Brasil e a entrada do salão onde ocorreu a janta é na rua João Zanenga 44).  Meu irmão e minha cunhada são tios deste grupo (casais que acompanham os grupos de jovens são chamados carinhosamente de "tios").
Estava muito bom o cachorro-quente, tinha molho,  ervilha, milho, salsicha, queijo ralado e batata palha, e cada um dos convidados adicionava a gosto maionese, ketchup e mostarda. As imagnes falam por sí:
O recheio era bem generoso e eu gosto bastante de milho, queijo ralado e batata palha no cachorro-quente:
Meu irmão Carlos trabalhando e a Giulia auxiliando na venda das fichas:
Por falar na Giulia, chegamos no segundo motivo do assunto do Blog ser cachorro-quente. Há dois anos, por iniciativa dela, fizemos um vídeo ensinando a rechear um pão de cachorro-quente com vários ingredientes, sem ensaios, sem muita preparação.Na época ela estava com cinco anos. E quando comecei a escrever o Blog e lembrei deste vídeo e decidi postá-lo. Mas eu não encontrava o vídeo, já tinha procurado no Facebook, nas pastas do computador e nada, achei que tinha perdido e achei que teríamos que fazer novamente, mas que talvez perdessemos a espontaneidade natural que aconteceu daquela vez.
Por sorte e por ter continuado a pesquisa, achei o vídeo no tablet que temos em casa, que toda família usa e aonde o vídeo foi originalmente gravado. Ele estava lá!
Bem, agora, com vocês, Giulia e suas orientações de como rechear um cachorro-quente.Curtam aí:
OBS: caso o vídeo não inicie corretamente em seu celular ou smartphone, pode ser assistido através da nossa Fanpage no Facebook através do link: 
https://www.facebook.com/panelafornoeamigos/videos/vb.1156118714438231/1184678611582241/?type=2&theater
Detalhe: antes da publicação uma transformação básica de MP-4 para formato compatível ao Blog....com um pequeno merchandising....faz parte.....
Mas, modéstia a parte, ficou uma graça a pessoinha e sua explicação, né?
Uma boa noite e até a próxima!

2 comentários:

Gionara Toniolo disse...

"Amo o saboroso e nutritivo!!!"
Ela faz outras coisas vamos pôr no blog.

Anajara Nunes de Freitas disse...

Sim,saboroso nutritivo.... e Para Finalizar eu tenho cinco anos!!